eucaristia

Amados e Amadas de Deus, saúde e paz!

O Concílio Vaticano II nos diz que a Eucaristia é fonte e ápice da vida de fé, da missão evangelizadora e do compromisso com a vida plena para todos. Sendo ela fonte de nossa vida cristã podemos afirmar que a Eucaristia nos leva a fraternidade, ao serviço e a comunhão.

Eucaristia, fonte de Fraternidade: É numa mesa de irmãos, de verdadeiros amigos, num profundo exercício de fraternidade e extrema doação que nasce a Eucaristia. Corpo dado, sangue derramado para a vida do mundo. Vida doada, sem reservas, sem privilégios pessoais, simples doação, deixar-se consumir para que haja vida e vida em abundância.

Eucaristia, fonte de Serviço: O Evangelho de João relata o lava-pés. Jesus tirou o manto, pegou uma toalha, uma bacia com água e começou a lavar os pés dos discípulos (cf. Jo 13,4-5). Eucaristia é serviço. E, para tal, exige tirar o manto, desvestir-se da noção de autoridade como poder, honra, privilégio e abraçar a noção de autoridade como serviço, colocar-se diante dos irmãos numa atitude de lava-pés. A verdadeira autoridade é aquela que presta e está disposta a servir. Jesus é enfático ao dizer: “Sereis felizes se o colocarem em prática” (Jo 13,17). Devemos celebrar, participar e viver a Eucaristia sempre cingidos com a “toalha do serviço”.

Eucaristia, fonte de Comunhão: A liturgia eucarística, desde suas origens, tem caráter profundamente comunitário. O pedido fundamental de toda prece eucarística diz respeito à nossa transformação em um só corpo, o corpo eclesial. A Igreja é o corpo místico de Cristo no qual cada cristão, por meio do corpo sacramental (Eucaristia), é transformado em corpo eclesial.

Nossa participação no corpo sacramental deve fazer-nos profundamente Igreja, unidos e próximos do sacramento maior da nossa fé. E, ao mesmo tempo, devemos ser profundamente irmãos, próximos uns dos outros, num só corpo em Cristo. Voltemos sempre a esta fonte inesgotável da Eucaristia para saciar a nós e para ajudar o mundo a saciar-se dos valores do Reino que é fraternidade, serviço e comunhão.

Nomes dados ao sacramento da Eucaristia: A riqueza inesgotável desse sacramento exprime-se nos diversos nomes que lhe são dados. Eucaristia: ação de graças; Ceia do Senhor: trata-se da ceia que o Senhor fez com seus discípulos; Fração do Pão: rito próprio da refeição judaica, foi utilizado por Jesus quando abençoava e distribuía o pão entre seus discípulos; Assembleia Eucarística: porque a Eucaristia é celebrada na assembleia dos fieis; Comunhão: porque os cristãos se unem a Cristo. A Eucaristia é sinal de comunhão entre os irmãos; Missa: quer dizer missão, envio para anunciar e viver o compromisso com Cristo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *